Chapecoense missão cumprida contra Internacional de Poto Alegre

      A quinta-feira, 19 de novembro de 2015, foi marcada por muita chuva e apagão em Chapecó. Mas nada que atrapalhasse a 12ª vitória da Chapecoense no Campeonato Brasileiro. O Verdão venceu o Inter, chegou aos 46 pontos e sacramentou a permanência na série A de 2016.

 

      Em virtude de uma pane elétrica que atingiu as redondezas da Arena Condá, a partida começou com 50 minutos de atraso. Período de espera e de muita chuva. Entretanto, mesmo com o temporal que atingiu a cidade, a torcida compareceu em grande número no estádio.

      Mais de 12 mil torcedores acompanharam a Chape pressionando desde os minutos iniciais. Durante toda a primeira etapa, a bola rondou a meta do goleiro Alisson. Ora nas bolas aéreas, ora nas jogadas em velocidade, mas nenhuma delas o endereço foi o gol.

     Na segunda etapa, o Internacional foi quem começou arriscando mais. Só que aí abriu espaço para os contra-ataques. Num deles, Maranhão invadiu a área e por pouco não inaugurou o placar. Em nova investida, o zagueiro Juan fez falta em Túlio de Melo, recebeu o segundo amarelo e deixou o colorado com um a menos.

     Nem deu tempo do Inter se recompor taticamente. Na cobrança da falta, Ananias apareceu no alto e desviou para marcar o gol da partida. O Inter se lançou ao ataque, mas as poucas chances pararam nas defesas do goleiro Nivaldo. Aliás, o eterno arqueiro completou 295 jogos com a camisa da Chape.

     Fim de jogo, Chapecoense 1 a 0 e a garantia de estar novamente na elite em 2016. O Verdão alcançou os 46 pontos e ocupa agora a 13ª colocação. No domingo (22), o adversário será o Figueirense, em Florianópolis.

 

 

Chapecoense

Fonte: Associação Chapecoense de Futebol

Linha

Todos os direitos reservados. Rádio Cultura de Xaxim Ltda.              49 3353.2425