Aguirre admite surpresa com punição da Conmebol

O técnico Diego Aguirre demonstrou surpresa com a punição de três jogos aplicada pela Conmebol por conta da expulsão no jogo contra o Santa Fe pelas quartas de final da Libertadores. Após o jogo contra o Santos, ele afirmou que vê a suspensão como injusta por não ter feito nada de anormal na partida. 

“Fiquei surpreso, não esperava. Quando me ligaram para falar que eram três jogos eu disse: 'não brinca, fala sério'. Infelizmente aconteceu. Espero que o departamento jurídico do Inter possa fazer algo por isso. Foi minha primeira expulsão, não invadi o campo. Falei algo para o quarto árbitro, mas penso que foi uma situação normal”, disse o treinador que tentou minimizar o peso da sua ausência no banco de reservas. “Fico surpreso e triste porque, obviamente, queria estar ao lado do campo. No entanto, se tiver que ficar fora, tenho confiança no meu corpo técnico”, acrescentou. 

Com a punição, Aguirre ficará de fora das duas partidas contra o Tigres, do México, pela semifinal da competição. O auxiliar técnico Enrique Carrera deverá substituí-lo. O técnico só voltará a comandar o Inter em uma eventual final, no jogo de volta. Caso o Colorado passe pelo Tigres, a primeira partida da final será fora e a segunda no Beira-Rio, independentemente de quem seja o adversário, Guaraní ou River Plate. 

Thumb

Fonte: Correio do Povo

Linha

Todos os direitos reservados. Rádio Cultura de Xaxim Ltda.              49 3353.2425