Paulão perde pênalti e Inter fica no 0 a 0 com a Chapecoense

 
Colorado estreou sob vaias no Brasileirão, com pouco futebol frente à sua torcida
 
 
Uma partida com pouco futebol e um pênalti perdido por Paulão definiram o empate do Inter com a Chapecoense neste domingo. A equipe colorada exagerou nas bolas longas e parou na forte marcação dos visitantes. Mesmo com um a mais nos últimos minutos, não conseguiu tirar a partida do 0 a 0 no Beira-Rio.
 
O ponto somado deixa Inter e Chapecoense empatados no oitavo lugar do Brasileirão. No próximo domingo, o desafio colorado é contra o São Paulo no Morumbi, pela segunda rodada.
 
Forte marcação
 
O Inter teve domínio do jogo, mas também muita dificuldade para ameaçar a meta da Chapecoense no primeiro tempo. Os comandados de Argel acumularam escanteios, mas vislumbraram apenas duas chances reais de abrir o placar, enquanto a Chapecoense marcou no seu campo e ameaçou nos contra-ataques
 
Aos oito minutos, uma escapada de Artur quase gerou o gol que mudaria a cara da partida. Ele cruzou na cabeça de Aylon, mas o garoto desviou para fora, muito perto da trave direita.
 
O time catarinense, por sua vez, especulou pela primeira vez aos 15 minutos. Lucas Gomes recebeu na área pela direita e tentou o chute cruzado. A bola saiu forte, mas parou na defesa de Alisson.
 
 
Erros de passe e bolas longas
 
Depois disso, o Inter insistiu nas bolas longas e abertas que eram despachadas pela linha de fundo e lateral pela defesa da Chapecoense. A melhor chance veio apenas aos 41 minutos. Aylon puxou contragolpe com Sasha, o atacante chutou forte à queima-roupa, mas Danilo fez grande defesa.
 
O Colorado ameaçou uma pressão no começo da segunda etapa, foi para o abafa na saída de bola, mas não conseguiu organizar seu ataque. Depois disso, a inspiração foi pouco e as chances muito raras.
 
 
Pênalti perdido
 
Na base das jogadas laterais, a grande oportunidade veio aos 18 minutos. Em cruzamento da esquerda, a bola pipocou na entrada da área e Andrigo chegou para chutar, sendo derrubado por Ananias. O árbitro anotou pênalti. Paulão foi para cobrança, chutou no canto direito, mas Danilo caiu firme para evitar o 1 a 0.
 
A torcida começou a vaiar e o time sentiu a pressão da penalidade perdida. Quem ameaçou, então, foi a Chapecoense. Primeiro, Cleber Santana cobrou curto para Josimar, que girou na quina esquerda da área e chutou forte para fora. Depois Ananias recebeu no meio e experimentou de longe. A bola passou por Alisson, que se esticou todo, mas também encobriu o travessão.
 
Aos 34, Thiego foi expulso em disputa de bola com Marquinhos e o Inter ficou com um homem a mais em campo. Alisson Farias foi lançado por Argel para pressionar, mas o goleiro Danilo manteve as redes da equipe de Santa Catarina invictas.
 
Correio do Povo / Foto: Ricardo Giusti

As

Fonte: Correio do Povo

Linha

Todos os direitos reservados. Rádio Cultura de Xaxim Ltda.              49 3353.2425