Proprietários de autoescolas e ex-diretor de trânsito são presos

 

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta quarta-feira, dia 4, a operação Mandrake no município de Xaxim. Coordenadas pelo delegado Fernando Callfass, as investigações iniciaram há cerca de três meses, apurando fraudes no sistema de multas do Detran.

 

Ao todo, quatro pessoas foram presas, sendo uma em Saudades, uma em Florianópolis e duas em Xaxim. Entre elas está o dono de uma autoescola e o ex-diretor de trânsito do município. As prisões ocorreram de forma preventiva. A operação foi desencadeada por volta das 6 horas da manhã. Além das prisões, houve outras quatro conduções coercitivas, com dois despachantes e donos de outras duas autoescolas envolvidos.

 

De acordo com o delegado Fernando Callfass, o grupo fraudava o sistema do Detran, dando baixa em multas, onde os motoristas infratores pagavam determinado valor para abolir a multa onde uma pessoa vinculada ao Detran na capital do estado dava baixa na infração sem que os motoristas tivessem que pagar a multa e ter os pontos computados nas carteiras de habilitação.

 

Ainda segundo o delegado, as investigações seguem e não se descartam novas prisões em outros municípios da região nos próximos dias. Participaram da operação mais de 30 policiais civis de Xaxim, Xanxerê, Abelardo Luz, Ponte Serrada, São Lourenço do Oeste, Saudades, Quilombo e Florianópolis.

 

(Janquieli Ceruti/Lê Notícias)

Pris%c3%95es

Fonte: (Janquieli Ceruti/Lê Notícias)

Linha
Player de Streaming

Todos os direitos reservados. Rádio Cultura de Xaxim Ltda.              49 3353.2425