Após tragédia, Chapecoense apresenta as três primeiras contratações

A ansiedade em oficializar a contratação com a Chapecoense era tanta que o zagueiro Douglas Grolli, o atacante Rossi e o meia Nadson nem esperaram o tradicional momento para vestir a camisa do clube na manhã desta quarta-feira, durante coletiva de imprensa. Os jogadores foram as primeiras contratações oficialmente apresentadas na sede do clube e já iniciam com a missão de ajudar na reestruturação do time destruído após o acidente aéreo no fim de novembro.

 

Grolli já é um velho conhecido da casa. Com 27 anos, foi revelado pela própria Chapecoense em 2011. Agora retorna, por empréstimo do próprio Cruzeiro. De acordo com o presidente do clube, Plinio David De Nes, ele reinicia com a missão de recomeçar tudo aquilo que ele já tinha começado.

 

— Grolli recomeça com o objetivo de fazer um time objetivo, com responsabilidade e comprometimento — disse.

 

O jogador afirmou que é uma alegria retornar para o clube em que nasceu.

 

— Aqui foi onde eu nasci e ressurgi para o futebol. Hoje eu venho com este grande objetivo de ajudar a Chapecoense na reformulação. Já era do meu interesse retornar para jogar — relatou Grolli.

 

Já o atacante Rossi tem 23 anos e atuou pelo Goiás em 2016, aonde chegou a marcar 11 gols em 44 partidas.

 

— Estou muito contente e vou procurar retribuir todo o esforço que fizeram. Podem contar comigo que pretendo contribuir com tudo — afirmou durante a apresentação.

 

Jogando pelo Paraná até então, em sua fala o meio Nadson recordou que, em setembro de 2016, já tinha tido o contato para vir jogar na Chapecoense, porém não teve liberação. Agora espera ter um bom desempenho no clube.

 

— Felizmente esse ano deu certo. Vou poder representar a Chapecoense e honrar os que se foram — disse.

 

A Chapecoense inicia a pré-temporada na próxima sexta-feira. A expectativa é de que até 20 novos jogadores sejam apresentados nos próximos dias. Esses devem se unir aos atletas da base que passam a integrar o elenco principal, bem como aqueles que não estavam na aeronave que se acidentou em Medellín e que o clube decidiu por manter em 2017.

oto: Sirli Freitas / Chapecoense

 

DIÁRIO CATARINENSE

Nova chap

Fonte: DIÁRIO CATARINENSE

Linha

Todos os direitos reservados. Rádio Cultura de Xaxim Ltda.              49 3353.2425