Policial militar assassinado estava há 24 anos na PM

 

 (Foto: Polícia Militar)

Assassinado na tarde deste domingo em uma ocorrência policial em Chapecó, o sargento Claudecir Barrionuevo tinha 24 anos de carreira, era casado e pai de três filhos, segundo a Polícia Militar de Chapecó.

 

O corpo está sendo velado na Igreja Renovar em Cristo, com um culto previsto para as 15h30 desta segunda-feira, dia 19. O sepultamento será às 17 horas, no Cemitério Jardim do Éden, antecedido por um cortejo que passará por várias ruas de Chapecó.

 

O crime

 

Aos 44 anos, Claudecir foi baleado por dois tiros em um confronto com criminosos que furtaram a caminhonete do policial enquanto ele almoçava na casa de um irmão, na Rua Imperatriz Leopoldina, no Bairro São Cristóvão.

 

Ao notar a falta da S10, ele e o irmão entraram em outro carro para ir atrás dos ladrões. Já no Bairro Jardim Itália, os criminosos bateram a caminhonete e abandonaram o veículo, fugindo a pé. O Sargento seguiu os autores a pé até chegar a um local onde os dois já tinham acabado de roubar outro carro de uma família.

 

O policial tentou fazer a prisão dos ladrões, mas um deles disparou duas vezes. Um dos tiros teria atingido o pescoço do sargento, que morreu ainda no local. Os bandidos chegaram a fugir com a arma de fogo do policial.

 

A PM fez buscas e encontrou os dois suspeitos, matando um deles. Tiago de Paula Rosa foi encontrado escondido na estrutura de uma caixa d’água no Bairro Efapi, onde houve a troca de tiros. Outro suspeito foi preso ainda durante a tarde no Bairro São Pedro.

 

Policia policial militar assassinado estava ha 24 anos na pm era casado e tinha tres filhos 1

Fonte: OESTE MAIS

Linha

Todos os direitos reservados. Rádio Cultura de Xaxim Ltda.              49 3353.2425